quinta-feira, 19 de março de 2015

Pele de Inverno #2 - Serums e Cremes


Segundo passo e terceiro passo,  o serum e o creme! Tipo de pele no inverno - mista e desidratada. A dificuldade - produtos que hidratem mas que não deixem a pele demasiado oleosa, que corre o risco de rapidamente ficar cheia de borbulhas e, no entanto, continuar desidratada!


Começamos nos serums:

Já tinha usado o serum da linha Vitalia Treatment, da mesma marca e gostei muito dele, era fluído, leve na pele e de rápida absorção. Chegado o Inverno, não era suficientemente hidratante e ficou em stand-by, dando lugar ao serum da linha  anti rugas perfect gold. Ligeiramente mais encorpado, mais untuoso e mais hidratante. Contém ingredientes como ureia, Caprylic Capric Triglycerides, esqualeno, óleo de jojoba, glicerina,  vitamina E, ácido hiaurónico e colagénio (estes dois últimos em pequenas quantidades. Contém silicone e álcool e não o consigo usar naqueles dias em que a pele está mesmo sensibilizada e a descamar nalgum lado porque me provoa ardor! O melhor destes produtos é que têm uma óptima relação qualidade/preço, podem encontrá-los à venda em farmácias.

- Clarins Double Serum
Já falei dele aqui no blog e este está mesmo a acabar. Este, por exemplo, tem alguns componentes que podiam ser dispensados como óleo mineral, ainda assim contém vários óleos de sementes de plantas como macadamia, rosa, abacate, girassol, extractos vegetais, vitamina E e ácido hialurónico. A sua fórmula é uma mistura de uma espécie de gel aquoso com outra parte mais oleosa e o que gosto nele é a sensação de frescura que me dá à pele e tem um cheiro agradável.
Este falei dele a semana passada aqui, por isso não me vou alongar muito. É pequenino mas tem rendido, a sua fórmula, quase como um óleo faz com que seja necessário aplicar uma quantidade mínima. É bastante hidratante,  composto maioritariamente por óleos, como o de Argão, Crambe abyssinica e extracto de gengibre.



- Creme de rosto Benâmor
É hidratante (não super hidratante), deixa a pele com um ar matificado e é uma óptima opção se não apresentam grandes problemas de pele e procuram algo bom e em conta.

Este também já não é produto novo cá por casa e como podem ver pela embalagem já quando o fotografei estava quase quase a acabr e tenho outro "em stock". É bom para peles sensíveis, é fresco, fluído e apazigua a pele irritada. É um creme que uso no tempo quente por ser levezinho na pele e também no Inverno mas que não me confere sempre a hidratação que necessito. Agora que começo a dar mais atenção aos rótulos descobri e admirou-me esta linha conter óleo mineral.

É o irmão mais "rico" do anterior. Uma fórmula ligeiramente mais espessa, mas ainda assim bastante fluído e fresco e bastante mais hidratante. Tinha medo de experimentar este, porque sendo indicado para peles sensíveis mas secas, temia que fosse gorduroso demais. Nada disso, são bastante semelhantes, não deixam qualquer vestígio de oleosidade na pele, apenas é mais hidratante e reconfortante na pele seca! Durante o Inverno usei bastante mais a versão rich do que o light!

- Para terminar mas não aparecem aqui, como protecção solar tenho usado dois cremes da LUSH, o British Nanny e o Million Dollar Moisturizer. Ambos vieram em amostra em encomendas que fiz no site da marca e umas pequenas amostras têm durado um tempo bastante razoável! São os dois bastante hidratantes e dão um conforto incrível à pele seca. São bastante untuosos pelo que os recomeendaria apenas a peles secas.

3 comentários:

  1. Tenho tanto o Benamor como os dois hidratantes da Bioderma. Não sou grande fã do Benamor, no entanto adoro os da Bioderma e uso exactamente como tu usas :)
    Beijinho!
    Oh Alexa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O da Benâmor só é bom para quem não tem nada a "tratar" na pele... é uma boa opção em conta e acho que rende muito!

      Eliminar
  2. Eu por acaso tenho de comprar o da Bioderma, mas ando a namorar esse da Clarins :)

    ResponderEliminar