sexta-feira, 6 de março de 2015

Uma questão de cabelo


Desde sempre que tive o cabelo comprido e tal como veio ao mundo, liso e sem qualquer tipo de pintura. Das raparigas que rondam a minha idade, já são poucas aquelas que resistem sem qualquer tipo de coloração!

Se quando tinha à volta de 16 anos invejava, de certa forma, as minhas amigas (ousadas pensava), hoje em dia dou graças a deus por ter o cabelo que tenho, com a cor que tem e não necessitar de andar a pintá-lo, seja porque não gosto da cor, seja porque a minha cabeça já foi invadida por cabelos brancos.... esses ainda não cá habitam!!

A única ousadia capilar que tive foi resolver fazer uma ondulação porque queria muito ter o cabelo aos caracóis. Um dia olhei-me ao espelho e disse para mim mesma, "é hoje que vou tornar o meu cabelo liso e lambido numa peruca dourada de caracóis!".... Mal eu sabia no que me estava a meter!!!! Depois de uma - muito má - experiência que relatei aqui pelo blog, nos cabeleireiros Inês Pereira, resolvi cortar o cabelo pelo queixo para tentar pôr fim a uma juba ondulada e toda queimada....Curioso que nesse mesmo post ainda hoje continuo a receber comentários tanto de ódio como de apoio de pessoas que relatam experiências similares, embora quase todos eles sejam deixados em anónimo.

Os caracóis, ficou visto, não tiveram sucesso, porque nem sequer caracóis eram! Não passavam de umas ondas mal amanhadas que tinha de encher de espuma (coisa que mais detesto) para as fazer aparecer. Depois de cortar o cabelo pelo queixo só dizia mal da minha vida!! Se gostava dele ondulado e comprido já não podia dizer o mesmo com ele curto, com ar de permanente curriqueira para não usar palavras piores....

E isto já lá vão três ou quatro anos e só agora voltei a ter o cabelo que tinha, comprido e minimamente saudável (só umas pontas secas que já começam a ser habitué). Pelo meio só houve umas aparadelas de pontas....Com isto concluo o mesmo de sempre, o meu cabelo demora imenso a crescer!!! Três anos para crescer de forma saudável do queixo ao peito...

Se até agora esperei que ele ficasse comprido e bonito, chegados os dias de sol deram-se-me umas ideias "más" na cabeça..... desde o Inverno que pondero cortar o cabelo, curto, bastante curto. Passei o Inverno todo a sentir os meus cabelos todos desgrenhados, enrolados, pousados em cima das camadas de roupa como um manto loiro e cheio de nós na parte de trás por causa dos cachecóis que usava diariamente!!! Parece que estão na moda os cabelos suuuuper longos nas teenagers. Agora, olho em volta na rua e só vejo cabelos compridos, muito compridos, despenteados, muitos deles mal tratados. 

Se cá em casa há mulheres aventureiras, nomeadamente uma irmã que já cortou à rapazinho, já rapou dos lados e tantas outras coisas que me deixavam de queixo caído, eu continuava nas minhas melenas compridas e iguais a sempre! 

Um dia, ao passar nos posts de facebook, vi uma blogger que tinha cortado grande parte de cabelo e doado ao IPO. Desconhecia totalmente esta possibilidade! Depois de investigar, percebi que podemos doar cabelo para serem feitas perucas, que são oferecidas a pessoas com cancro. Para ser doado, o cabelo tem de responder a determinados parâmetros, tais como, não ser pintado, estar em bom estado e ter um comprimento mínimo de 30cm. Se a pessoa em questão tinha cabelo suficiente para dar e vender, doou 30cm e ainda continuou com o cabelo pelo ombro, já eu, se quiser fazer algo semelhante (neste momento) tenho de cortar o cabelo todo.

Pois bem, é exactamente isso que estou com vontade de fazer, cortar o cabelo . Se cortar pelo ombro significa que ele irá para o lixo, então pensei que seria bom se ele tivesse alguma finalidade e fizesse alguém feliz! Pois assim seja, adeus cabelo. Para que te quero?

Estou saturada de todos estes anos a lavar e secar o cabelo, lava-seca, lava-seca, lava-seca.... todos os santos dias!!!

Neste momento, embora não esteja 100% convencida, já tenho marcação para o cabeleireiro amanhã e veremos o que ele diz. Já marquei inclusivé num cabeleireiro diferente do habitual. Sim, porque a cabelereira onde costumo ir diz-me sempre "aiii que cabelo tão lindo!! Vai cortá-lo??" Cortar-me as pontinhas (nunca mais de 5cm) parece ser-lhe um tremendo sacrifício.... Só espero não me deparar com alguém igual ou que me sugira que se calhar não me vai ficar nada bem.....

Por fim, só consigo pensar no investimento que fiz em produtos de cabelo e que nem a meio vão. A quantidade de óleos, leave-ins e afins que tenho por casa..... Imagino que a minha irmã irá ficar delirante por poder deitar as mãos a todos eles mas, a mim, até me dói a alma!!! 

Uma coisa é certa, se vier com menos cabelo, vou poupar amaciador, shampoo, leave-in, óleos, água, electricidade, tempo e paciência. Por fim, ainda fica a esperança de proporcionar cabelo a alguém que não o tem! Se vir que não dá os 30cm bem, isso logo se vê e pode ser, pode ser, que não faça um corte tão radical!!

6 comentários:

  1. Por acaso já sabia mas eu acho que nunca tive os 30 cm para dar. Mas é um gesto bonito :)

    ResponderEliminar
  2. Acho que doar o cabelo será um gesto muito bonito. Infelizmente pinto o meu, o que me impedirá de fazer tal coisa.
    Força nesse corte!! :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Primeiro tenho de expressar a minh felicidade por ter a "OMG" por aqui :) Bonito até pode ser mas será "doloroso"!! Se não me puderem cortar um puxo em cima acho que se calhar não tenho o comprimento necessário...
      Não pesquisei sobre mas, li algures, que há uma instituição inglesa chamada love lockets, salvo erro, que aceita cabelos pintados. Para quem faz grandes cortes é melhor do que ser lixo.....

      Eliminar
    2. Primeiro tenho de expressar a minh felicidade por ter a "OMG" por aqui :) Bonito até pode ser mas será "doloroso"!! Se não me puderem cortar um puxo em cima acho que se calhar não tenho o comprimento necessário...
      Não pesquisei sobre mas, li algures, que há uma instituição inglesa chamada love lockets, salvo erro, que aceita cabelos pintados. Para quem faz grandes cortes é melhor do que ser lixo.....

      Eliminar
  3. Bato palmas pela tua coragem! Doar cabelo para o IPO é uma atitude muito bonita! :) E se já querias cortá-lo curto, junta-se o útil ao agradável :)

    ResponderEliminar
  4. Não há nada pior que as ondulações, estragam imenso o cabelo! Mas pronto ainda bem que agora já está bom :) fazes bem em cortar, o bob anda tão na moda e deve ficar-te lindamente! :)

    ResponderEliminar